• MAVIPA - Seguros

Homem tenta simular roubo de caminhão para acionar seguradora e acaba preso


Na manhã da sexta-feira, 14/01, a Polícia Militar recebeu informações de que havia acontecido um roubo de caminhão, mas não tinha a localização. Um tempo depois, um homem, 38 anos, procurou a PM em Alfredo Vasconcelos alegando ter sido vítima de roubo, mas apresentou versões conflitantes de como ocorreu o fato.


A última versão dizia que ele era motorista de um caminhão guincho pertencente à uma empresa de Lagoa da Prata e teria sido acionado por uma mulher de um número desconhecido solicitando o serviço para transporte de um veículo Monza, da cidade de Santo Antônio do Monte até Ressaquinha. O homem contou que foi até Santo Antônio do Monte, buscou o Monza e quando estava chegando no trevo de Ressaquinha, mandou uma mensagem para a mulher que contratou o serviço informando onde estava e perguntando onde deveria deixar o Monza. A mulher disse que um sobrinho dela chegaria no local e mostraria onde deixar o carro.


Em seguida, chegou um homem numa motocicleta e pediu ao motorista para segui-lo. Em determinado momento, o motociclista parou do lado de um Palio branco com quatro ocupantes. Um deles desceu do carro e empunhando uma arma de fogo, mandou o motorista descer o caminhão. Ao descer, o motorista foi amarrado, teve seus olhos vendados e foi colocado no porta malas do Palio.


Os autores o levaram para um local onde desceram e o amarraram a uma árvore. Após um tempo, o homem conseguiu se soltar e pedir ajuda. A mulher que o ajudou, levou o homem para Alfredo Vasconcelos no destacamento PM. O homem disse que não sabe onde foi deixado e nem conhece nenhum dos autores. A versão do motorista estava cheia de conflitos.


Em alguns momentos ele dizia que tinha sido rendido antes do trevo de Ressaquinha, em outros, depois. Além disso, o homem dizia que havia sido largado em meio a rodovia, depois numa estrada vicinal e por fim que foi amarrado em uma árvore de eucalipto, entre outras versões diferentes.


Os militares repassaram ao Copom o rastreador do caminhão e deu como última localização uma estrada vicinal que liga o distrito de Pinheiro Grosso a Barbacena. A equipe PM foi ao local e encontrou o caminhão guincho e o veículo GM/Monza ainda sob a plataforma sem o bloco do motor. Enquanto os policiais militares aguardavam as providências de praxe, passou pelo uma Pajero TR4, de cor branca, sendo um dos ocupantes conhecido no meio policial por estelionato envolvendo transação ilegal com veículo.


Eles foram abordados e nada de ilícito foi encontrado com eles. Os ocupantes foram questionados e entraram em contradição sobre o que estavam fazendo no local. O motorista do caminhão foi levado ao local para reconhecer os homens e disse que não conhecia nenhum deles. Mas foi visível seu nervosismo ao ver um dos ocupantes da Pajero. Após um tempo, um dos ocupantes do carro disse que dias atrás, o motorista do guincho entrou em contato com ele afirmando que precisava sumir com um dos caminhões para acionar a seguradora e para isso, simularia um roubo.


Depois, eles fariam a venda do caminhão e o dinheiro seria dividido entre eles. O homem aceitou o negócio e arrumou um comprador para o caminhão. E dessa forma, colocaram o plano em ação, mas o caminhão ficou atolado numa estrada vicinal e não conseguiram terminar o serviço planejado. O caminhão e o Monza foram removidos para o pátio credenciado. O motorista do caminhão, 38 anos, e os outros dois autores, 25 e 38 anos, foram presos e encaminhados para Delegacia.


Fonte: cqcs. Disponível em: <https://www.cqcs.com.br/noticia/homem-tenta-simular-roubo-de-caminhao-para-acionar-seguradora-e-acaba-preso/?utm_source=whats&utm_medium=grupowhats&utm_campaign=bomdia>. Acesso em: 18 de jan. de 2022.



11 visualizações